Brasil  

Vazamento de dados é ‘bisbilhotice’ e ‘golpe baixo’, diz ministro do STF

Fonte: votebrasil.com

Marco Aurélio Mello criticou suposta violação de sigilo de tucanos. ‘Todos nós ficamos estarrecidos’, disse ministro do Supremo.

O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello criticou nesta quinta-feira (26) a suposta quebra de sigilo fiscal do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge, e de outras três pessoas ligadas ao partido.

“É péssimo, porque no Estado democrático de direito há de se preservar certos valores, e o valor coberto pelo sigilo é um valor maior. Não cabe a bisbilhotice. No campo eleitoral, não há espaço para golpe baixo”, afirmou o ministro.

Marco Aurélio diz estar acompanhando o caso por meio dos meios de comunicação. “Todos nós ficamos estarrecidos. O Estado é responsável, aí nós temos quem está à frente da guarda desse sigilo como responsável”, afirmou.

Ao ser perguntado se o episódio poderia mudar seu voto nas eleições, ele disse que sim. “Se elucidado que partiu de certo segmento, haverá influência”, afirmou.

Débora Santos

Deixe um comentário