Brasil  

Vale pode disputar licitação para Belo Monte

Alana Gandra
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – A Usina Hidrelétrica de Belo Monte, cujo leilão está previsto para ocorrer em abril próximo, teve hoje (22) o seu primeiro consórcio confirmado. Ele é formado pela mineradora Vale, a Andrade Gutierrez Participações, Neoenergia Investimentos e Votorantim Energia.

As quatro empresas assinaram memorando de entendimento com essa finalidade, pelo qual se comprometem a desenvolver estudos para “determinar a atratividade do empreendimento, avaliar as condições de participação no processo e, após estas etapas, formalizar instrumentos jurídicos definitivos que permitam sua entrada conjunta no leilão”.

A usina será construída no Rio Xingu, no Pará. A hidrelétrica terá capacidade de geração de 11,2  mil megawatts (MW) médios de energia e vai criar cerca de 18 mil empregos diretos. Belo Monte tem custo estimado em R$ 30 bilhões pelo mercado e é considerada a terceira maior usina do Planeta.

Deixe um comentário