TRF derruba liminar e mantém salário de R$ 62 mil de Sarney

A liminar que determinava que os salários dos servidores públicos dos três poderes não poderiam ultrapassar o teto constitucional foi derrubada pelo Tribunal Regional Federal. A decisão beneficia o presidente do Senado, José Sarney, que acumula o salário de R$ 62 mil.

Deixe um comentário