Temer “quase renunciou” em maio, diz aliado

Um dos aliados mais próximos de Michel Temer, o deputado Carlos Marun, integrante da tropa que liderou a rejeição das duas denúncias da PGR, afirmou  que Temer cogitou seriamente renunciar quando as gravações de Joesley vieram à tona.

Deixe um comentário