Brasil  

Técnico da seleção é investigado por evasão fiscal em Portugal

.

O técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, está sendo investigado pela Justiça de Portugal por suspeita de fraude fiscal e lavagem de dinheiro. As informações foram divulgadas pelo site americano Offshore Alert, especializado em investigações financeiras.

De acordo com a denúncia, Scolari teria deixado de declarar 7 milhões de euros (cerca de R$ 21 milhões) ao Fisco de Portugal, entre 2003 e 2008, quando residiu no país para trabalhar como técnico da seleção portuguesa. O dinheiro seria referente a direitos de imagem do técnico brasileiro.

Documentos apresentados pelo site americano afirmam que a maior parte do dinheiro do técnico foi recebida pela empresa Chanterella Investors Limited e transferida para uma conta do banco Credit Lionnays, em Miami, EUA. Se for considerado culpado pela Justiça portuguesa, Scolari pode pegar até 17 anos de prisão.

Por meio de sua assessoria, o técnico brasileiro rechaçou a denúncia e disse que sempre paga seus impostos. “Eu fiz todas as minhas declarações de renda corretamente. Em todos os países que trabalhei, sempre declarei meus rendimentos. Tenho absoluta convicção da correção das minhas declarações. Se há algo errado, não é comigo. Que a Justiça apure todos os fatos”, disse Scolari.

 

                 Opinião & NoticiaTécnico da seleção é investigado por evasão fiscal em Portugal

Deixe um comentário