TCU aponta falhas no ProUni

Fonte: opiniaoenoticia.com.br

De acordo com o relatório do Tribunal de Contas da União (TCU) aprovado no mês de agosto, o governo não conseguirá cumprir sua meta de fazer com que 30% dos jovens entre 18 e 24 anos ingressem na faculdade até 2011. O documento classifica a iniciativa do ProUni – programa de bolsa para o ensino superior em instituição particular lançado em 2004 – como bem concebida, mas destaca a falta de indicadores de desempenho e o baixo número de atendidos como principais problemas do programa.

Embora o número de jovens no ensino superior tenha aumentado em mais de 3% entre 2004 e 2008, esse crescimento só faria com que a meta fosse atingida em 2020. Mas nem mesmo em dez anos a meta possa ser cumprida. Um gráfico do relatório mostra que enquanto o número de jovens no ensino superior cresce, a taxa de alunos que concluem o ensino médio está diminuindo.

O governo contestou o relatório do TCU e voltou a firmar que a meta será cumprida. De acordo com a secretária da Educação Superior do MEC (Ministério da Educação), Maria Paula Dallari Bucci, o governo alcançará os 30% de pessoas matriculadas no ensino superior, considerando o número de universitários de todas as faixas etárias em relação à população jovem.

Deixe um comentário