Brasil  

STF avalia redução das penas de Valério e Jefferson

As penas do empresário Marcos Valério, condenado a mais de 40 anos de prisão no julgamento do mensalão, e do presidente do PTB e deputado cassado Roberto Jefferson, cuja pena ainda não foi calculada, podem ser reduzidas pelos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Leia também: Valério cita Lula em novo depoimento e pede inclusão no programa de proteção a testemunhas
Leia também: PT não vai punir mensaleiros

Os motivos seriam a contribuição de Valério às investigações — o empresário entregou ao MP uma lista de beneficiários dos pagamentos do mensalão — e a revelação do esquema feita por Jefferson em 2005.

Marcos Valério foi condenado a mais de 40 anos de prisão pelos crimes de lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, evasão de divisas, corrupção ativa e peculato. Os ministros do STF ainda não avaliaram, no entanto, os efeitos da contribuição dada pelo empresário às investigações do maior escândalo de corrupção do governo Lula.

STF retoma cálculo das penas nesta quarta

De acordo com um integrante do Supremo, a pena de Valério pode ser reduzida “drasticamente” quando o assunto entrar em pauta.

O cálculo das penas dos réus condenados será retomado nesta quarta-feira, 7, pelos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Fonte: opiniaoenoticia.com.br

Deixe um comentário