Seu voto. Sua sentença!

Será muito fácil depois dizer que a culpa é dele Serra, ou é dela Dilma, que falou isso ou aquilo outro, mas, no meio do caminho como apareceu uma “pedra”, ficará o dito pelo não dito e se fará o que se disse que não se faria

Deixe um comentário