Servidora suspeita de violar sigilo é afastada da Receita Federal

Fonte: votebrasil.com

A funcionária Ana Maria Rodrigues Caroto Cano, uma das suspeitas pela quebra de sigilo fiscal de políticos próximos ao presidenciável tucano José Serra, não trabalhará mais na agência da Receita Federal em Mauá (SP). A Receita pediu nesta segunda-feira, 13, o retorno dela ao Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), órgão ao qual é vinculada.

Na sexta-feira (10), Ana Maria e o marido, o contador José Carlos Cano Larios, prestaram depoimento à Polícia Civil de São Paulo. De acordo com a Delegacia de Polícia Judiciária da Macro São Paulo, a servidora admitiu ter sido responsável pela quebra de sigilo fiscal de contribuintes e afirmou que usava procurações para justificar o acesso ilegal aos dados. Ela e o marido chegaram a ser detidos, mas foram liberados em seguida.

Segundo a polícia paulista, Ana Maria disse ter acessado os dados fiscais a pedido de “amigos e parentes”. No depoimento, ela contou ter sido orientada pela corregedoria da Receita a procurar os donos das declarações violadas e conseguir procurações autorizando as consultas, num procedimento que serviria para “maquiar” os acessos ilegais.

A assessoria de imprensa da Receita em São Paulo negou nesta segunda que a dispensa de Ana Maria seja uma punição pelas declarações da servidora à polícia. Ainda de acordo com a Receita, não há uma justificativa para o retorno da servidora ao seu posto inicial.

Tucanos. A agência de Mauá da Receita foi palco da quebra de sigilo fiscal de quatro tucanos, de Verônica Serra e do genro do presidenciável tucano, José serra.

Todos os acessos partiram do computador da servidora Adeildda Ferreira dos Santos, que junto com Ana Maria teria livre acesso a senha da chefe da Agência, a servidora Antonia Aparecida Neves Silva.

Ana Maria e o marido foram levados à delegacia após a polícia ter apreendido pedidos de autorização para acesso à declaração do Imposto de Renda de 23 contribuintes. Os documentos foram encontrados no escritório de contabilidade pertencente a Larios.

Deixe um comentário