Sarney culpa líderes e Demóstenes por aprovação de diretor indiciado

O presidente do Senado, José Sarney, dirigiu-se aos colegas e, em um plenário lotado, rememorou a atuação do ex-senador goiano Demóstenes Torres na aprovação do agora ex-diretor da Agência Nacional de Águas Paulo Vieira, preso sexta-feira (23) pela Polícia Federal, no âmbito da Operação Porto Seguro.

Deixe um comentário