Brasil  

Rio terá “zeladores” nas ruas para identificar problemas

Vitor Abdala
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – A prefeitura do Rio de Janeiro iniciou na manhã de hoje (27) o primeiro treinamento prático do projeto Zeladores do Rio. A iniciativa da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos prevê que funcionários da prefeitura circulem pela cidade para identificar problemas como buracos, falta de iluminação, lixo e problemas de sinalização, entre outras coisas.

A partir do dia 8 de março, os 91 zeladores percorrerão, em média, 7 quilômetros por dia, observando problemas e conversando com a população. Vestidos com um uniforme azul, os agentes andarão munidos com uma prancheta e computadores de mão.

Ao final do dia, os zeladores farão relatórios e encaminharão as demandas de conservação aos órgãos da prefeitura responsáveis, como a Companhia de Limpeza Urbana (Comlurb) e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio). Esses órgãos terão 15 dias para resolver o problema.

Inicialmente, o projeto funcionará em quatro bairros da zona norte (Tijuca, Irajá, Vila da Penha e Vista Alegre) e três da zona sul (Copacabana, Ipanema e Leblon). “Contamos com a ajuda dos moradores das áreas envolvidas porque eles conhecem como ninguém os bairros onde vivem e sabem quais os problemas imediatos a serem resolvidos”, disse o secretário de Conservação, Carlos Osório.

Deixe um comentário