Nuzman tentou processar supermercado por fazer propaganda com Olimpíadas

“Impertinência”. “Demanda temerária”. “Atitude maliciosa ou, no mínimo, ingênua”. “Descabimento”. Foi com essas expressões, que o desembargador Celso Ferreira, julgou o  processo contra os Supermercados Guanabara

Deixe um comentário