Prefeito de São Paulo é o Homem-Borracha ideológico

Famoso pela frase genial, irrepetível, de que o partido que fundou depois de deixar o DEM, o PSD, não é “nem de esquerda, nem de direita, nem de centro”, o prefeito continua firme em sua coerência incoerente.

Deixe um comentário