Polêmica até no Fut7: Técnico do Fla diz que Falcão não seria titular na Gávea e desafia dirigente do Vasco

.
Por Davi Pereira – JornalFut7
.
fccfd8073e3462876694297f87ce4abfP
raticamente duas semanas após o vice-campeonato do Flamengo para o Vasco na Copa dos Campeões, o treinador Zé Moraes (foto) resolveu romper o silêncio. Amplamente vencedor – com títulos nacionais e internacionais na carreira – e um dos nomes mais influentes do futebol 7 brasileiro, o comandante Rubro-Negro não poupou palavras e afirmou que seu time foi superior ao rival na decisão ocorrida em Minas Gerais.

Mas isso não foi tudo. Com falas ácidas, Zé Moraes elogiou a política cruzmaltina de contratar grandes nomes do futsal, mas afirmou que os mesmos não seriam titulares no Flamengo – o que inclui até mesmo Falcão, que disputou uma única partida pelo Vasco em 2015. O treinador, inclusive, fez um desafio, pedindo para que Carlos Gandola (dirigente e maior incentivador do futebol 7 dentro do Club de Regatas Vasco da Gama) escalasse o craque das quadras contra o Flamengo em uma partida televisionada para todo o Brasil.

Baseado no histórico favorável, Zé foi além e afirmou que “o Vasco não está psicologicamente preparado para jogar contra o Flamengo”. O técnico rubro-negro ainda falou da Copa Rio – campeonato ainda em disputa, no qual o time da Gávea é líder geral e tem 100% de aproveitamento -, da saída de jogadores do seu elenco para o rival cruzmaltino, e muito mais. Abaixo, confira a íntegra da polêmica entrevista.

JornalF7.com: Como você se sentiu com o vice-campeonato da Copa dos Campeões 2015, justamente perdendo a final para o seu arquirrival?

Zé Moraes: No Campeonato Carioca de 2014, fomos campeões e tivemos apenas uma derrota. O Campeonato Carioca de Fut 7 é, sem dúvida, o mais difícil do mundo. As semifinais de 2014 foram contra o próprio Madureira, que hoje é o Vasco da Gama, e, já no primeiro jogo, graças a uma goleada histórica, garantimos a vaga à final. Depois, foi só administrar o segundo jogo. Agora mesmo estamos disputando a Copa Rio. Até aqui vencemos todos, temos o ataque mais positivo, o saldo de gols, o artilheiro, umas das defesas menos vazadas, com uma disciplina exemplar, sendo um dos times com menor número de cartões. O que aconteceu em Minas é que o Flamengo se preocupou em fazer o que sempre fez: jogar um belo futebol, se movimentando e marcando o tempo todo, mostrando uma disciplina tática muito elaborada. Acho que cumprimos nesse campeonato exatamente tudo aquilo que nos propomos fazer nos últimos quatro anos.

JornalF7.com: E o que você acha do Vasco da Gama?

Zé Moraes: Acho que o Vasco é um ótimo time, fez grandes investimentos, tem uma comissão técnica excelente. Porém, ainda não estão psicologicamente preparados para jogar contra o Flamengo, mas isso é apenas uma opinião. O Flamengo continua ganhando jogos e títulos e continua liderando o ranking carioca, brasileiro e mundial de clubes, com uma diferença muito muito grande para os segundo colocado.

JornalF7.com: O Flamengo sentiu muita falta do Romarinho e do Arthur (ex-jogadores rubro-negros que foram para o Vasco)?

Zé Moraes: Quanto ao Arthur, o Flamengo tem para a zaga, além do Dabá e Paulinho, o Daniel e o Xoxinha. Na posição do Romarinho temos Chayene, Wesley, Sávio, Walace, Miquimba, Gabriel, Caio e outros. Todos esses jogadores que citei são fantásticos e podem integrar qualquer seleção do mundo, Como podem notar o valor continua com um ótimo elenco e preparado para continuar vencendo campeonatos.

JornalF7.com: E se a final da Copa Rio for entre Flamengo e Vasco?

Zé Moraes: Pode ser que nem aconteça essa final. No Rio, temos outros grandes Clubes, como por exemplo o Fluminense, Madureira, São Cristóvão, Rio de Janeiro, Botafogo, Barra, Duque Caxiense e outros. Se Vasco ou Flamengo jogarem mal em qualquer um dos jogos da semifinal, certamente ficarão de fora. A garotada que joga nos outros clubes tem um nível para, tranquilamente, jogar em qualquer time do Brasil. Não devemos esquecer que temos no Rio o melhor Fut 7 do país.

JornalF7.com: Como você vê essa política do Vasco de contratar grandes jogadores do futsal brasileiro como Falcão, Vander Carioca e outros?

Zé Moraes: No ponto de vista de Marketing é a melhor coisa para nosso Fut 7. Quanto ao lado técnico, eu, particularmente, não colocaria nenhum como titular no Flamengo.

JornalF7.com: Nem o Falcão?

Zé Moraes: O Falcão foi meu jogador de Futsal pelo Iate/Rio de Janeiro. Ele é disparadamente o melhor do Brasil de todos os tempos. Para mim, muito melhor imagesque o Manoel Tobias. O Vander Carioca também foi meu atleta e é uma pessoa fantástica, um grande amigo, humilde, e um goleador. Acontece que o Fut 7 é um outro esporte, com uma dinâmica atual muito forte e um poder de marcação muito rígido e essa movimentação em campo, com habilidade individual de cada jogador, é que fazem a grande diferença. Repito, que no ponto de vista do Marketing, eles vão trazer um grande oba-oba para o Vasco. No ponto de vista técnico, eu particularmente, acho que o Rogério (Corrêa, técnico do Vasco) terá grandes problemas. O Flamengo, por exemplo, tem como marketing vencer partidas e campeonatos e ó o que fizemos nos últimos quatro, ganhando quase tudo o que disputamos. Aliás, aproveitando a oportunidade, gostaria de propor ao (Carlos) Gandola (dirigente vascaíno) e ao Rogério que lancem esses dois craques o mais rápido possível em um jogo contra Flamengo, mesmo que seja em um jogo amistoso, transmitido para o Brasil, porque é o que as duas torcidas estão ansiosamente aguardando. Vamos esperar o resultado do jogo e aí sim vamos avaliar melhor quem tem razão.

JornalF7.com: Para encerrar, qual a mensagem que você manda para os torcedores do Flamengo?

Zé Moraes: Que não se preocupem. O Flamengo vai continuar chegando nas finais e colecionando títulos. O nosso elenco é o melhor do Brasil e essa garotada, além de técnica e muita garra, são seres humanos inigualáveis. São como uma família, todos de um caráter ímpar e assim se tornam quase invencíveis. A todos os torcedores do Flamengo e do Fut 7, um forte abraço.

Deixe um comentário