Petrobras quer ‘desinvestir’ quase U$$ 14 bilhões em dois anos

.
timA Petrobras anunciou que estabeleceu como meta de desinvestimento para o biênio 2015-2016 o montante de US$ 13,7 bilhões, que deverá ser alcançado mediante a venda de ativos da empresa no Brasil e no exterior.

O número foi aprovado em reunião da diretoria da estatal. O desinvestimento será repartido entre as áreas de atuação da empresa, sendo que a de Gás e Energia será responsável pela maior fatia, 40%. Abastecimento e Exploração e Produção responderão por 30% do plano, cada uma.

Porém…

“No entanto, ela [a meta de US$ 13,7 bilhões] é sensível a variáveis de mercado, tais como a cotação do barril de petróleo tipo Brent, taxa de câmbio, crescimento econômico brasileiro e mundial, dentre outras”, ressaltou a Petrobras.

A estatal observou também que cada uma das operações de venda de ativos precisará ser submetida à aprovação tanto da diretoria quanto do conselho da empresa.

O volume de desinvestimento para o biênio 2015-2016 é fruto de uma revisão do Plano de Negócio e Gestão da Petrobras para o período de 2014 a 2018, plano que previa um desinvestimento total de US$ 5 bilhões a US$ 11 bilhões ao longo deste período.

Fontes: Portal Exame – Petrobras aprova revisão de desinvestimento para US$ 13,7 bi
Opinião&Notícia-Petrobras quer ‘desinvestir’ quase U$$ 14 bilhões em dois anos

Deixe um comentário