Brasil  

Paulo Henrique Amorim é condenado a indenizar diretor da TV Globo

Redação Portal IMPRENSA

O jornalista Paulo Henrique Amorim foi condenado a pagar indenização de R$ 30 mil ao diretor de jornalismo da TV Globo, Ali Kamel, por conta de artigo publicado em sua página pessoal em que o acusa de pratica de racismo no livro “Nós não Somos Racistas”.

Na decisão, a juíza Ledir Dias de Araújo entendeu que o apresentador do “Domingo Espetacular”, da Rede Record, se referiu a Kamel como racista “sem qualquer argumento ou base” para tal afirmação.

(..) as críticas jornalísticas são sustentáveis, apreciáveis, estimulam e incentivam as pessoas a formar sua opinião. Entretanto, não se pode imputar, aleatória e falsamente, um fato definido como crime a outrem”, observou.

No entendimento da magistrada, no artigo “Racista é o Kamel” houve um excesso, um abuso do direito à liberdade de expressão que, embora assegurada constitucionalmente, não pode, em hipótese alguma, violar os direitos da personalidades, eis que são intransmissíveis e irrenunciáveis”, segundo informa o jornalista Reinaldo Azevedo.

Como a decisão é de primeira instância, o jornalista Paulo Henrique Amorim pode recorrer.

Deixe um comentário

Um comentário para “Paulo Henrique Amorim é condenado a indenizar diretor da TV Globo”

  1. ? Claudio Cunha disse:

    Foi decisão de Primeira Instância. Em recurso, o Paulo Henrique ganhará fácil.