Para Ciro, PT traiu o povo e está tentando trair de novo

.
Em entrevista na quarta-feira (8) no aeroporto de Fortaleza, o pré-candidato a presidente Ciro Gomes disse que “parte importante do PT traiu o povo” e que, “para piorar ainda mais as coisas, quer continuar traindo”. As declarações de Ciro foram feitas em resposta aos recentes conchavos que Lula vem fazendo com expoentes do governo Temer, que o próprio PT chama de um “governo golpista”.

Já em Minas Gerais, Ciro comentou o discurso de Lula na semana passada, também na capital mineira, de que estava “perdoando os golpistas”. O pedetista acrescentou que “será difícil sustentar que o impeachment foi um golpe com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva perdoando e confraternizando com os golpistas”.

“Esse gesto de perdoar não toca a ele. O golpe não foi contra ele, foi contra a nação, a democracia. E ele se dá a faculdade, sendo candidato, de confraternizar com os golpistas”, disse Ciro, referindo-se a Lula. “Como vamos sustentar que houve um golpe de Estado no Brasil se ‘São Lula’ perdoou? Eu não perdoei”, completou. Lula disse que a esquerda não tem voto e que, por isso, vai se entender com a direita que é, segundo ele, “quem tem voto no Brasil”.

Fonte: Hora do Povo

Deixe um comentário