Para Alvaro Dias, julgamento do mensalão pode significar fim da cultura da impunidade no país

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) manifestou em Plenário, nesta quinta-feira (2), sua expectativa de que o julgamento do mensalão se transforme num símbolo da vitória da luta contra a impunidade no Brasil.

— Esse importante julgamento pode significar o início do fim dessa cultura de impunidade que provoca indignação na parte decente do país. A expectativa que alimentamos é a de ver a impunidade derrotada, para que se restabeleça a crença dos brasileiros nas instituições públicas do país — disse.

Na avaliação do parlamentar, a relação de promiscuidade que se estabeleceu entre as esferas pública e privada no esquema de corrupção do mensalão, foi demonstrada de maneira cabal pelas investigações da Polícia Federal.

Em sua opinião, as informações constantes da Ação Penal 470, baseadas em laudos técnicos da Polícia Federal, são densas e comprovaram, ao contrário do sustentado por parlamentares da base do governo, que o esquema não se restringia apenas ao pagamento de “mesadas”, mas incluía uma rede formada para praticar diversos crimes, tais como peculato, corrupção ativa e corrupção passiva.

Lula

Em seu pronunciamento, Alvaro Dias leu ainda trechos de seu voto em separado proposto à Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios, destacando seu entendimento sobre a necessidade de responsabilização do ex-presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, por não ter tomado as providências cabíveis quando foi informado pelo ex-deputado Roberto Jefferson da existência do mensalão.

Em seu voto, o senador propôs a abertura de processo de impeachment contra Lula, por entender que o ex-presidente não teria agido de forma adequada para eliminar o esquema de corrupção em seu governo.

Fonte: votebrasil.com

Deixe um comentário