Oposicionistas lançam site para pressionar por CPI da Corrupção

Por Mario Coelho – congressoemfoco.com.br

Partidos de oposição ao governo federal lançaram nesta quarta-feira (17) um site para monitorar o avanço da coleta de assinaturas para criar a CPI da Corrupção. O instrumento é uma forma de pressionar deputados e senadores da base aliada a subscrever o requerimento da comissão. Até agora, foram coletadas 19 assinaturas de senadores e 92 de deputados.

O líder do PSDB na Câmara, Duarte Nogueira (SP), disse que a estratégia é constranger os congressistas até conseguir o apoio mínimo para a criação da comissão mista, formada por deputados e senadores. O site relaciona nomes, partidos, telefones e e-mails dos deputados e senadores que ainda não subscreveram o pedido.

“A CPI é um instrumento do Legislativo”, afirmou o líder do Psol na Câmara, Chico Alencar (RJ). O parlamentar fluminense ressaltou que a criação do site tem origem suprapartidária, com representantes de diversos partidos da oposição. Participaram do lançamento líderes do DEM, do PPS, do PSDB e do Psol nas duas Casas. O site faz parte da campanha “CPI da Corrupção, eu apoio”.

Até agora, de acordo com a lista publicada, assinaram o requerimento parlamentares de partidos da base como PDT, PCdoB, PMDB, PP, PV, PR e PSC. A representatividade deles, no entanto, é pequena. A grande maioria das assinaturas é de integrantes do PSDB e do DEM. “Se não tomarmos uma posição, seremos massacrados pela opinião pública. Esta CPI deve ser suprapartidária”, disse o líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR).

Deixe um comentário