Não acredito em bruxas, mas que elas existem, existem!

.
Por Claudio Schamis
.
coincidencias-300x179O ex-secretário-geral da Presidência Gilberto Carvalho afirmou que provavelmente agendou conversas do ex-presidente Molusco Luiz Inácio Lula da Silva com o lobista Mauro Marcondes, vice-presidente da Anfavea em 2009, durante discussões sobre a medida
provisória (MP) de isenção fiscal para montadoras. Até aí tudo bem. Tudo bem? Mais ou menos tudo bem.

Essa coisa estranha já começa pela fala do ex-ministro de que “provavelmente agendou”. Como provavelmente? Ainda mais sendo Mauro quem era e sendo Lula quem era e sendo o tema da MP o que era. Ou você acha que Lula iria conversar sobre isso com o vice-presidente da Friboi, por exemplo?

Só que a minha crença da não existência das bruxas começa a tomar forma. Marcondes então coincidentemente é um dos seis lobistas presos pela Polícia Federal no mês passado, na Operação Zelotes. Ele é acusado de intermediar a compra de trechos de uma MP favoráveis a Caoa, que vem a ser a representante da Hunday, e da MMC, a fábrica da Mitshubishi no Brasil. E outra vez coincidentemente uma das empresas de Marcondes a Marcondes & Mautoni fez pagamentos de R$ 2,4 milhões a coincidentemente Luis Claudio Lula da Silva, que coincidentemente é um dos filhos do então na época presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que coincidentemente era o presidente coincidentemente do Brasil, e, coincidentemente nessa mesma época em que se deram coincidentemente todos os fatos. E coincidentemente esse pagamento foi a título de prestação de serviços relacionados a marketing esportivo. E coincidentemente a empresa escolhida foi a LFT empresa aberta por Luis Claudio que conta somente coincidentemente com ele como único funcionário. Uau!

Mas se formos analisar o passado, Luis Claudio começou com um contrato de R$ 300 mil por ano, como o Corinthians, coincidentemente time de coração do pai, Lula, que na época trabalhou para que a Obedrecht viabilizasse um estádio para o clube, o Itaquerão.

E se formos analisar, a empresa de Marcondes tinha como especialidade representar montadoras de carro. Ou seja, montadora de carro e marketing esportivo trocando figurinhas? E pelos depoimentos tudo leva a crer então que um pagou e não sabe por que e o outro recebeu e também não sabe por que recebeu.

Assim fica fácil né?

Donde se conclui que é tudo um poço sem fundo. A coisa é fácil demais. Cria-se uma empresa, cria-se uma consultoria e com isso o dinheiro injustificável fica justificável e apostam para ver se o circo armado cola. E até quando cola. Estava colando até então. A cola secou e as peças estão caindo. Uma por uma. Resta saber quando teremos acesso as peças principais dessa Era de Lama e podridão que se abateu sobre o Brasil e que não parece querer sair tão cedo daqui.

E a tal coisa, os ditos populares estão aí e não é à toa.

“No creo en brujas, pero que las hay, las hay.”

Quando a fase Dilminha paz e amor passar.

dilmapaz-300x165

Dilma tinha que virar bicho. Mostrar as garras. Mostrar que é quem ela diz ser. Não podemos mais ficar numa de tudo vai passar. Não. Não vai passar. O ano já praticamente acabou. Já estão acabando de montar a árvore de Natal na Lagoa. Já se começa a falar em BBB 16. Já se começa a falar mais sobre Carnaval. Olimpíadas.

Se ela acha que só o fato dela peitar o Lula que faz campanha para a saída de Levy, nosso ministro da Fazenda para a entrada de Meirelles já é algo fenomenal, vai me desculpar, estamos lascados.

Se bem que até hoje tenho minhas dúvidas de até onde Dilma tem as rédeas do país nas mãos. O fato dela declarar que não tem que concordar com tudo que Lula cospe, não me diz muita coisa.

De qualquer maneira estou completamente desesperançoso de que algo mude para melhor. Não vejo túnel. Não vejo luz. Não vejo nada.

Dilma tinha que mudar o seu tom. Ficaria talvez um tiquinho assim bem pequenininho mesmo com esperança se ela entrasse mais para uma fase, vitória na guerra.

Enquanto Dilma não vir que estamos em guerra, estamos tomates verdes fritos.

Salve as baleias. Não jogue lixo no chão. Não fume em ambientes fechados.

Deixe um comentário