MP recorre para bloquear supersalários no Senado

O procurador Nicolao Dino Neto recorreu à corte especial do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, pedindo que voltasse a valer a liminar que mandou o Senado cortar todas as remunerações de parlamentares e servidores que estourassem R$ 26.723,13 por mês, o teto do funcionalismo.

Deixe um comentário