Mendes rejeita desistência de petistas e nega liminar contra impeachment

GMGilmar Mendes classificou a desistência como tentativa de fraude à distribuição processual. Para o ministro, o partido não pode escolher o juiz que vai julgar sua causa. Ele ainda determinou que a decisão seja encaminhada para a OAB para que a entidade apure eventual responsabilidade disciplinar do advogado da causa.

Deixe um comentário