Médicos marcam paralisação em protesto contra planos de saúde

Pela segunda vez este ano, os médicos vão parar o atendimento de rotina aos clientes de planos de saúde para protestar contra as operadoras. A paralisação será no dia 21 de setembro, com duração de 24 horas. “O protesto é contra os planos que não vieram negociar com os médicos, disse o vice-presidente do CFM, Aloísio Tibiriçá Miranda.

Deixe um comentário