Marina vê ‘demônios’ e ‘onças’ na campanha

Candidata do PV se comparou a uma sagaz jaguatirica para tentar explicar sua estratégia de campanha.

A candidata do Partido Verde à presidência da República, Marina Silva, voltou-se contra a imprensa em seu primeiro comício no estado de São Paulo visando as eleições de outubro. Em Bauru, Marina disse nesta quinta-feira, 29, que a imprensa não pode “só atirar pedras”.

“Sabe qual a diferença entre anjos e demônios? É que os anjos usam adversidades das coisas para sinalizar o caminho e os demônios só atiram pedras, só colocam espinhos”, disse a candidata do PV.

Candidata se compara a jaguatirica

No mesmo comício, Marina contou uma fábula em que uma onça pintada desafia uma jaguatirica para um duelo. “Quando a onça foi atacá-la, a jaguatirica reagiu com um pulo mortal triplo, e a onça falou: ‘oh, oh, camarada jaguatirica! Esse você não me ensinou!’ E a jaguatirica respondeu: ’se eu tivesse ensinado, eu tinha me ferrado’”.

“Eu sou da família da jaguatirica”, disse Marina, tentando explicar sua estratégia de campanha para sair do terceiro lugar na corrida presidencial.

Fonte: opiniaoenoticia.com.br

Deixe um comentário