Márcio Thomaz Bastos deixa a defesa de Cachoeira

O ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos não defende mais o contraventor Carlinhos Cachoeira. A informação foi dada  pelo advogado que integra a equipe de Bastos, Augusto Botelho. De acordo com Botelho, toda a equipe deixará o caso. O motivo para o afastamento repentino não foi revelado.

Deixe um comentário