Saúde  

Mais de 50% dos partos no Brasil são por cirurgia

.
Fonte: Opiniao & Noticias
.
Uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira, 29, pela Fiocruz, em parceria com o Ministério da Saúde, revelou que, no Brasil, 52% dos partos são cesarianas.

Leia também: Dirigir durante a gravidez aumenta risco de acidentes

A proporção de partos cirúrgicos é ainda mais alta na rede privada: 88%. Nos hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS), o número é de 44,8%.

Especialistas em saúde ressaltam que o problema não está especificamente na cesariana, mas nos agendamentos que podem tornar o parto prematuro, aumentando o risco de complicações respiratórias para o bebê.

O índice de nascimentos prematuros no Brasil é de 10% — bem acima do nível aceitável internacionalmente, que é de 3%.

Embora a grande proporção de cesáreas no Brasil já fosse conhecida, o estudo divulgado nesta quinta, denominado “Nascer Brasil: Inquérito Nacional sobre Parto e Nascimento”, revela a influência dos médicos na opção pelo parto cirúrgico.

A coordenadora da pesquisa, Maria do Carmo Leal, ressalta que “a cesariana é mais conveniente para o médico, que consegue agendar os procedimentos sem ter que ficar à disposição de cada gestante. A posição do médico influencia a paciente, mas as experiências de amigas e familiares também têm peso. Mas ressaltamos que é equivocada a visão de que a cesariana é a forma mais segura de parir”.

A pesquisa contou com a participação de 23.894 gestantes em 191 municípios brasileiros.

Deixe um comentário