Lula diz que sentença do mensalão foi 80% política

.

Em entrevista à TV portuguesa RTP, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que o julgamento do mensalão teve “80% de decisão política e 20% de decisão jurídica”. A entrevista foi exibida neste final de semana.

Leia também: Lulagate: pena que ninguém vê mais nada!

O Supremo Tribunal Federal começou a expedir as ordens de prisão dos condenados no mensalão em novembro de 2013. Entre os presos estão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino, o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares e o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha.

Lula ressaltou que não vai “ficar discutindo a decisão da Suprema Corte. O que eu acho é que essa história vai ser recontada”, e ainda que o processo do mensalão foi “um massacre que visava a destruir o PT. E não conseguiram”.

A entrevista durou pouco menos de 40 minutos. O ex-presidente brasileiro também aproveitou para defender o governo Dilma e reafirmou que não será candidato nas eleições de outubro deste ano.

Fonte: Opinia & Noticia

Deixe um comentário

2 comentários para “Lula diz que sentença do mensalão foi 80% política”

  1. ⇒ João disse:

    Realmente, nao podemos destruir partidos, mas podemos tirar do poder os partidos que nao sebem governar um Pais tao promissor como o Brasil. Povo Brasileiro, vamos mudar o nosso Pais no dia da votaçao, precisamos fazer isso, se nao o fizer, podemos virar escravos das injustiças.

  2. ⇒ Manoel FCrancisco de Almeida disse:

    Este país é assim mesmo, país do faz de conta.
    Quem mais precisa ser punido não o é, coitados dos ladrões de galinhas.
    Tenho vergonha de ser brasileiro, ó nação votante acorda para vida, deixa esta copa que só beneficia poucos, vamos dar a resposta no voto, vem aí as eleições acorda gigante adormecido, ó povo que deita em berços expledidos sai destes e vamos a luta.