Lula diz que elite brasileira têm medo que uma mulher ganhe as eleições

Fonte: votebrasil.com

No começo da carreata da campanha petista, nesta manhã de sábado, moradores do bairro Magabeiras( região nobre de Belo Horizonte) teriam reprovado a passagem da comitiva da candidata Dilma Roussef (PT). O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que esteve ao lado da candidata o tempo todo, comentou a atitude dos moradores.

“Dilma nós começamos essa carreata onde moram as pessoas que tem mais dinheiro em Belo Horizonte e alguns fizeram sinais ruins pra gente. Eu fico constrangido. Pois eles ainda não conseguiram superar o preconceito de ter um presidente ex-metalúrgico que fez e que fez pelo Brasil o que eles não conseguiram fazer”.

Para Lula, a elite brasileira têm medo que uma mulher ganhe as eleições. “Você viu a diferença da elite e do povo. E é por esse povo Dilma que você vai ganhar as eleições. É com esse povo e para esse povo que você vai governar”, completou Lula.

Além de Lula, Dilma e o vice-presidente da República, José Alencar (PRB) coordenador da campanha da petista em Minas, estiveram presentes o candidato derrotado ao governo de Minas, Hélio Costa (PMBD), e o também candidato derrotado ao senado, Fernando Pimental (PT).

De olho nos votos de Marina em BH

Para os responsáveis pela a campanha de Dilma, a capital mineira é um ponto estratégico para ganhar votos. Em Belo Horizonte, a candidata do PV, Marina Silva, foi a mais votada no primeiro turno. Minas Gerais é o segundo maior colégio eleitoral do país, com 14,5 milhões de eleitores, perdendo apenas para São Paulo, que tem 30,3 milhões de eleitores.

Em Belo Horizonte, Marina teve 560.037 votos (40%), 126 mil votos a mais que Dilma, ficou com 434.157 (31%) votos. José Serra (PSDB) foi o terceiro, com 389.416 (28%) votos.

Fábio Saldanha

Deixe um comentário