Lula, após as explicações dos diretores da Embraer, desiste de pedir pelos demitidos

As explicações de Frederico Curado, presidente da Embraer, sobre os motivos que levaram à demissão de 4.272 funcionários, foram suficientes para Lula. Curado explicou ontem que problema está na queda de 30% da demanda no exterior. Lula pediu apoio aos demitidos.

Deixe um comentário