Mundo  

Líderes da Al Qaeda prometem vingar a morte de Bin Laden

De acordo com as autoridades dos Estados Unidos, as promessas de vingança por causa da morte de Bin Laden não são uma novidade. Um preso de Guantánamo Sharif al Masri, apontado como jihadista …

Brasília – Um líder da Al Qaeda da província de Abyane, no Sul do Iêmen, prometeu hoje (4) vingar a morte do fundador da rede, Osama Bin Laden, que foi alvo de operação militar norte-americana no último domingo (1º). Bin Laden vivia com parte da família em uma mansão, a 100 quilômetros da capital do Paquistão, Islamabad.

Porém, o líder tenta manter o anonimato e avisou que a Jihad (guerra santa) não vai parar. Segundo ele, a Aqpa, um dos braços da Al Qaeda prepara um plano de ação para continuar com a Jihad.

De acordo com as autoridades dos Estados Unidos, as promessas de vingança por causa da morte de Bin Laden não são uma novidade. Um preso de Guantánamo Sharif al Masri, apontado como jihadista egípcio e detido no Paquistão em 2004, afirmou que se Bin Laden fosse capturado ou assassinado uma bomba nuclear seria detonada nos Estados Unidos. A ameaça foi feita em setembro de 2008.

Outro preso Abu Faraj Al Libi, um líbio de 41 anos, considerado um dos presos mais valiosos de Guantánamo, especialista em temas nucleares, químicos e bacteriológicos, também forneceu informações às autoridades norte-americanas, segundo relatos.

Deixe um comentário