Justiça suspende trabalho de deputado presidiário, após ser pego com comida na cueca

Após  agentes penitenciários encontrarem dois pacotes de biscoito e um queijo provolone escondidos na cueca do deputado presidiário Celso Jacob, a justiça revogou a permissão para que ele trabalhasse na Câmara.

Deixe um comentário