Justiça determina quebra de sigilo fiscal e bancário de Agnelo Queiroz e Orlando Silva

 O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou a quebra de sigilo fiscal e bancário do ex-ministros do Esporte Orlando Silva, do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, e do policial João Dias. O ministro Cesar Asfor Rocha, acatou pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), encaminhado hoje ao STJ.

Deixe um comentário