Heráclito chama Suplicy de ‘corno’ e PT do Piauí repudia em nota

Por Fábio Góis – congressoemfoco.com.br

O diretório regional do PT no Piauí divulgou nesta quinta-feira (22) nota de repúdio contra declarações do senador Heráclito Fortes (DEM-PI), que teria se referido a Suplicy com “impropérios” como “corno” e “idiota”. No último dia 16, Heráclito teria ofendido o colega de Senado no programa “Agora”, da TV Meio Norte, da capital Teresina.
“O PT do Piauí entende que é lamentável a postura do senador Heráclito Fortes, que faltou com o devido respeito a seu colega de parlamento, injuriou um dos políticos mais influentes da nação e envergonhou o povo piauiense com um comportamento tão mesquinho e deplorável”, diz trecho da nota, assinada pelo presidente do PT piauiense, o deputado estadual Fábio Novo.
No programa, Heráclito reclamou do fato de Suplicy ter garantido existir um voo de ida e volta de Petrolina (PE) para o Aeroporto Internacional São Raimundo Nonato, no sudoeste do Piauí, no que seria uma referência elogiosa ao governo do petista Wellington Dias. O trecho de fato não existe.
Para Heráclito, tal afirmação e o fato de Suplicy ter se submetido a uma brincadeira do humorístico Pânico na TV, na qual usou uma sunga vermelha em pleno Senado, mostram que ele teria se “idiotizado po completo”. Quando o programa da TV piauiense abriu a entrevista para a participação dos telespectadores, Heráclito teria se irritado com uma mulher que queria saber se as críticas contra o senador petista não seriam inveja.

Leia mais: Sabrina: “Suplicy tem a boa vontade do Super-Homem”

“Minha filha, me respeite. Eu não tenho inveja de corno, eu não sou corno”, disse Heráclito, que tem protagonizado discussões ferrenhas com Suplicy no plenário do Senado. Em uma delas, o senador piauiense recebeu do petista o mesmo cartão vermelho empunhado momentos antes contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). A fita do programa foi solicitada pelo PT local à TV Meio Norte.
Fábio Novo disse ter tido uma conversa com Suplicy ontem (21), e informou que o senador lamentou o episódio e as declarações de Heráclito. Segundo o deputado, Suplicy descarta tomar medidas contra o colega, como processo por quebra de decoro, uma vez que qualquer tentativa de reparo significaria aumentar desnecessariamente a repercussão sobre o fato.
Já a assessoria de Heráclito disse que o senador está em viagem oficial na Suíça, onde participa da União Parlamentar Internacional. O senador ainda não teria lido a nota de repúdio do PT.

Confira a íntegra da nota do PT
“O Partido dos Trabalhadores do Piauí vem a público se solidarizar com o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) que, na última sexta-feira (16), foi ofendido em programas de televisão, veiculados em Teresina e em todo o estado do Piauí, pelo senador Heráclito Fortes (DEM-PI). Entre outros impropérios, Heráclito chamou o senador Suplicy de ‘corno’ e afirmou, sem nenhuma cerimônia, que o político paulista havia ‘idiotizado-se por completo’.
O festival de agressões gratuitas, dirigido a Suplicy, deu-se meramente porque o senador petista elogiou as obras erguidas pelo governador Wellington Dias em sua atual gestão dentre elas o aeroporto internacional de São Raimundo Nonato, um dos maiores marcos da administração de Wellington.
O PT do Piauí entende que é lamentável a postura do senador Heráclito Fortes, que faltou com o devido respeito a seu colega de parlamento, injuriou um dos políticos mais influentes da nação e envergonhou o povo piauiense com um comportamento tão mesquinho e deplorável. O Partido dos Trabalhadores sabe que os debates acalorados são próprios da política partidária, mas entende que o mínimo de dignidade e respeito deve ser mantido entre os pares, principalmente se um dos interlocutores é um homem de honradez e brio como Eduardo Suplicy.
Ao tempo em que condena tais atitudes, como a do senador Heráclito Fortes, o PT do Piauí crê que tais afrontas sequer nodoarão a trajetória de Eduardo Suplicy, atingido frontalmente – e, frise-se: gratuitamente – em sua honra, mas já absolvido no imaginário popular pela sua história de lutas, de glórias, de empenho pelo Brasil. Também pelo defensor que Suplicy sempre foi – e é – do Piauí, e deste povo respeitoso, humilde e pacífico, que enobrece este estado.”

Deixe um comentário