Governo retira ‘pedaladas’ e rombo será de até R$ 50 bilhões

PEDALADAS-300x210A regularização das chamadas “pedaladas fiscais” ficará de fora do cálculo do déficit até a decisão final do Tribunal de Contas da União (TCU) sobre o tema. O governo espera que o Tribunal indique se a dívida precisa ser paga à vista ou pode ser parcelada.

Deixe um comentário