Governador Sérgio Cabral diz que extinção da CPMF foi covardia com o povo brasileiro

O governador  Sérgio Cabral, disse que a extinção da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) “foi uma covardia e fez muito mal, não ao governo Lula, mas ao povo brasileiro”. Cabral anunciou que assinar nota de apoio à criação de uma nova fonte de recursos para a saúde.

Deixe um comentário