Gilmar Mendes diz que só vota financiamento privado após reforma política

ÍndiceO ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes declarou que aguarda uma definição do Congresso sobre a reforma política para votar a Ação Direta de inconstitucionalidade (Adin) sobre o financiamento privado de campanhas eleitorais.

Deixe um comentário