Gilmar: despacho de Janot é ‘ridículo e infantil’

images_cms-image-000453730Ministro Gilmar Mendes, vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), questiona a conduta do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao arquivar um pedido de investigação sobre a campanha que reelegeu a presidente Dilma Rousseff.

Deixe um comentário