Genoino e Delúbio condenados por falsidade

A Justiça Federal de Minas Gerais condenou  o ex-presidente e o ex-tesoureiro do PT José Genoino e Delúbio Soares por falsidade ideológica em uma ação paralela à do mensalão, que é julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Os dois foram condenados a quatro anos de prisão.

Deixe um comentário