Fritura de Levy põe Dilma entre Meirelles e Tombini

images_cms-image-000461896A era Joaquim Levy na economia parece estar chegando ao fim. O ministro da Fazenda deve deixar o cargo no fim de 2015, depois de um ano marcado por forte recessão, com queda de 3% do PIB, inflação acima da meta e dificuldades imensas para levar adiante o ajuste fiscal.

Deixe um comentário