Feliciano é um dos amigos influentes de pastor acusado de estupro

Investigações da Polícia Federal revelaram nesta quarta-feira, 8, que o pastor Marcos Pereira, preso preventivamente na noite de terça-feira por suspeitas de envolvimento em pelo menos seis estupros e um assassinato, tem uma extensa lista de amigos influentes. Entre eles, o pastor Marco Feliciano, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara.

Segundo o delegado Márcio Mendonça, o acusado passou toda a última segunda-feira, 6, na companhia de Feliciano, dentro de um templo em São João de Meriti. O presidente da comissão já expressou publicamente seu apoio ao acusado na tribuna da Câmara dos Deputados, em 19 de fevereiro deste ano. Feliciano alega que Marcos Pereira e Silas Malafaia são vítimas de perseguição na mídia.

Além de Feliciano, a lista de amigos de Marcos Pereira inclui a produtora Marlene Matos, o pastor e ex-pagodeiro Waguinho, o senador Alvaro Dias e Anthony Garotinho. Os políticos têm em Marcos Pereira um aliado de peso, pela sua influência na Baixada Fluminense, pela facilidade com que penetra em áreas carentes dominadas pelo tráfico e pela sua grande capacidade de negociar com traficantes.

Em 2004, por exemplo, o pastor auxiliou o então Secretário de Segurança do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, em uma negociação com detentos que encerrou uma rebelião em um presídio. O delegado Márcio Mendonça acredita que o pastor tem envolvimento com o tráfico e que as negociações com traficantes não passaram de encenações. A PF investiga o uso de templos como esconderijo de armas.

Marcos Pereira é acusado de estuprar fiéis e assassinar uma jovem em  2006. Segundo relatos das vítimas, o acusado dizia que elas estavam  possuídas.

Fonte: opiniaoenotícia.com.br

Deixe um comentário

2 comentários para “Feliciano é um dos amigos influentes de pastor acusado de estupro”

  1. ? José Gomes disse:

    Minha mãe, sempre tinha uma frase que proferia quando eu matava aulas ou saía com alguns colegas e aprontava dizia ela: “…(….). Diga-me com quem andas que lhe direi quem tu és.”

    Portanto, o comportamento homofóbico do deputado Feliciano se explica depois de ler esta matéria. Ora, ele pratica o que os senhores feudais faziam no passado escondendo os crimes de seus príncipes.

  2. ? Edson E. Motta disse:

    Devemos ter feito coisas muito ruins em alguma encarnação passada, para termos renascido em um país como o Brasil, e ter que presenciar coisas como essas.