Estudo revela que autismo pode ser curado e droga está perto de ser desenvolvida

timtA Universidade da Califórnia, EUA, divulgou um novo estudo que reforça a tese de que o autismo pode ser reversível e se aproxima de um possível medicamento para tratar o transtorno. A pesquisa foi conduzida pelo biólogo molecular brasileiro, Alysson Muotri.

Deixe um comentário