Brasil  

Equipe de Moro estima em R$ 650 mi desvio de Duque

.

: .
Segundo a força tarefa da Operação Lava Jato, ligada ao juiz Sergio Moro, este teria sido o valor das propinas recolhidas por Renato Duque, ex-diretor da área de Serviços da Petrobras; o valor foi estimado a partir da delação premiada de Augusto Mendonça, executivo da Toyo Setal; de acordo com os cálculos de Moro, o total de propinas seria de R$ 970 milhões, ficando os restantes R$ 270 milhões sob a alçada de Paulo Roberto Costa, ex-diretor da área de Abastecimento; Duque nega ter recebido qualquer vantagem indevida

A força-tarefa que investiga a Operação Lava Jato, coordenada pelo juiz Sergio Moro, estima em R$ 650 milhões o montante de propinas que teria sido recolhido pelo ex-diretor de Serviços da Petrobras, Renato Duque. É o que informam os jornalistas Ricardo Brandt e Fausto Macedo, em reportagem publicada neste domingo, no Estado de S. Paulo (leia aqui).

Deixe um comentário