Dilma ultrapassa Serra em nova pesquisa eleitoral

Por Mário Coelho – congressoemfoco.com.br

A pré-candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, passou na frente de José Serra (PSDB) pela segunda vez no período pré-eleitoral. Em pesquisa feita pelo Instituto Sensus, divulgada nesta segunda-feira (17) pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), a petista, dentro da margem de erro, ultrapassou Serra na corrida presidencial. No levantamento estimulado, com a apresentação dos nomes de possíveis candidatos, Dilma aparece com 35,7% contra 33,2% do tucano. Já na espontânea a diferença é maior: 19,8% contra 14,4%. A margem de erro da pesquisa é de 2,2%.

Na pesquisa estimulada, aparece em terceiro lugar a ex-senadora Marina Silva (PV), com 7,3% das intenções de voto. José Maria Eymael (PSDC) tem 1,1% e Américo de Souza (PSL) 1%. Outros seis pré-candidatos de partidos nanicos aparecem com menos de 1%. Em janeiro deste ano, quando a CNT/Sensus apresentou esta mesma lista aos entrevistados, José Serra estava bem na frente da candidata do PT, com 40,7%. Dilma Rousseff recebeu, naquele mês, 28,5% das intenções de voto. Marina Silva ficou com 9,5%.

Em uma segunda lista, apenas com os três principais candidatos, o cenário se inverte. Serra leva vantagem em cima de Dilma com uma pequena vantagem. Ele fica com 37,8% das intenções de votos, enquanto Dilma com 37%. Marina tem 8%. Porém, outros 17,3% se manifestaram sem candidato. Os números em janeiro de 2010, quando foi feito o último levantamento, eram 40,7% para o tucano, 28,5% para a petista e 9,5% para Marina. Outros 21,4% estavam indecisos ou votariam nulo ou branco.

A pesquisa da CNT/Sensus elaborou três cenários de segundo turno. Se a eleição fosse hoje, Dilma venceria seus dois duelos. Contra Serra, resultado apertado: 41,8% contra 40,5%. Os números representam outra virada, já que em janeiro Serra tinha 44% e Dilma 37,1%. Já na disputa contra Marina o resultado seria mais folgado. A petista ficaria com 51,7% e a candidata do PV 21,3%. A terceira opção coloca Serra contra Marina. Vitória do tucano com 50,3% contra 24,3%.

Na pesquisa espontânea, o presidente Lula aparece em terceiro lugar, com 9,7%. São mencionados também Marina Silva (2,7%), Ciro Gomes (PSB) com 0,3%, os tucanos Geraldo Alckmin (0,2%) e Aécio Neves (0,2%). Mais da metade dos entrevistados não possuem candidato (52,4%). A pesquisa CNT/Sensus foi realizada entre os dias 10 e 14 de maio, em 136 municípios de 24 Estados. Foram ouvidas 2.000 pessoas. A pesquisa foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número 11.548/2010.

Avaliação

A pesquisa mostrou também que a avaliação do governo Lula bateu recorde. Ele foi avaliado positivamente por 76,1% dos entrevistados, maior índice desde janeiro de 2003. Outros 19,2% avaliaram o governo como regular. Já 4,4% classificaram como negativo. Já a avaliação pessoal do presidente obteve o segundo maior índice desde 2003, com aprovação de 83,7% dos entrevistados.

De acordo com o levantamento, 27,1% dos entrevistados apontam que o candidato apoiado ou indicado por Lula é o único em quem votariam. Já 33,7% responderam que poderiam votar na indicação. Outros 20,7% não votariam de jeito nenhum e 15,6% só conhecendo o candidato para poder decidir. Os números em novembro de 2009 eram 20,1%, 31,6%, 16,0% e 27,4% respectivamente.

Deixe um comentário