Dilma: pesquisas de opinião não são ‘última palavra’

“A esquisa é um sinal do momento, mas os ventos mudam. Os resultados das pesquisas mais recentes são bastante variados. É um retrato, mas não é a última palavra sobre o momento. Mas eu não vou brigar com o instituto”, disse a ex-ministra.

Deixe um comentário