Dilma cita acusações contra Cunha e diz que não cede a “barganha”

imagesEm pronunciamento à imprensa, a presidente Dilma Rousseff disse ter recebido com “indignação” a decisão do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), de autorizar  a abertura de processo de impeachment contra ela. Ao fazer sua defesa, Dilma disse que jamais cedeu a qualquer tipo de “barganha”.

Deixe um comentário