Deputados da oposição protestam contra presença de Orlando Silva em audiência sobre a Copa

Fonte: votebrasil.com

O ministro não respondeu aos deputados. Ele explicou os compromissos do governo relativos às garantias à Fifa e que são objeto do projeto de lei. Explicou também que as isenções fiscais concedidas à Fifa são objeto de outra lei aprovada pelo Congresso…
Brasília – Deputados da oposição reclamaram da presença do ministro do Esporte, Orlando Silva, em audiência pública na Comissão Especial da Câmara dos Deputados que analisa o projeto de lei do governo e a atuação da Federação Internacional de Futebol (Fifa) na organização da Copa das Confederações em 2013 e da Copa do Mundo de 2014.

O primeiro parlamentar a usar o microfone foi o líder do DEM, Antonio Carlos Magalhães Neto (BA), que disse que a presença do ministro era uma afronta ao povo brasileiro, que, segundo ele, não deseja a permanência do ministro no cargo, após as denúncias de corrupção na pasta.

O parlamentar do DEM disse ainda que a posição do ministro se agravou depois que a ministra do Supremo Tribunal Federal Cármem Lúcia aceitou, hoje (25), denúncia contra Orlando Silva.

O deputado Duarte Nogueira, líder do PSDB na Câmara, disse que o ministro deveria renunciar ao cargo em face da gravidade das denúncias.

O ministro não respondeu aos deputados. Ele explicou os compromissos do governo relativos às garantias à Fifa e que são objeto do projeto de lei. Explicou também que as isenções fiscais concedidas à Fifa são objeto de outra lei aprovada pelo Congresso e regulamentada por decreto da Presidência da República.

Um dos membros da Comissão, o deputado Rubens Bueno (PPS-PR), se retirou do plenário em protesto por não ter tido direito a falar antes do ministro.

Deixe um comentário