Deputado diz que ‘se Deus quiser’ aprovará Dia do Orgulho Hétero

O deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) disse que, “se Deus quiser”, será aprovada pelo plenário a proposta que institui o Dia do Orgulho Heterossexual. O Presidente da Câmara devolveu projeto, e Eduardo Cunha recorreu. Jean Wyllys combate proposta e diz que Cunha tem atiude ‘homofóbica’.

Deixe um comentário