Depois de Costa, Youssef estuda delação premiada

images_cms-image-000392234Advogado Antônio Figueredo Basto admitiu que o doleiro Alberto Youssef, preso na operação Lava Jato, poderá mudar de ideia e negociar acordo com a Justiça, como o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa; “Se fizerem uma proposta que atenda aos interesses de Youssef, e é ele quem decide, ele tem todo o direito de procurar o melhor caminho de ir para casa”.

Deixe um comentário