Cunha diz que Brasil vive ‘o maior escândalo de corrupção do mundo’

.
CunhaO presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou nesta segunda-feira, 19, que lamenta “que seja com um governo brasileiro o maior escândalo de corrupção do mundo”.

Leia também: Eduardo Cunha enfrenta dilema sobre impeachment de Dilma

A afirmação foi feita a jornalistas após Cunha ser questionado sobre a entrevista de Dilma no último final de semana na qual, ao comentar as supostas contas do parlamentar na Suíça, a presidente lamentou “que seja um brasileiro”.

O presidente da Câmara também afirmou nesta segunda que não vai renunciar ao cargo. Documentos do Ministério Público da Suíça revelaram que Eduardo Cunha é titular de contas em bancos no país europeu.

Os partidos PSOL e Rede entraram com um pedido de cassação de Cunha no Conselho de Ética por quebra de decoro parlamentar.

“Aqueles que desejam a minha saída têm de esperar o fim do mandato para escolher outro”, disse Cunha, que ressaltou ainda que tem “legitimidade para executar todos os atos da função [para] que fui eleito”.

O presidente da Câmara também afirmou que não se sente isolado politicamente e que não precisa do apoio do PMDB para se defender: “Eu não preciso que ninguém me ajude a fazer a minha defesa. A minha defesa será feita por mim mesmo e pelos meus advogados num segundo momento no foro apropriado”.

 

Fonte: Opinião&Notícia

Deixe um comentário