Brasil  

CPI do HSBC terá primeira reunião na próxima terça-feira

.
Está marcada para a próxima terça-feira (24), às 10h15, a primeira reunião da CPI do HSBC, que investigará as contas de brasileiros na filial do banco na Suíça. O senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) será indicado para a relatoria, segundo informou o líder do PMDB, Eunício Oliveira (CE).

A CPI investigará o envolvimento de brasileiros no caso de evasão fiscal que envolve o HSBC. Documentos vazados da filial suíça mostram que o banco blindou correntistas de obrigações fiscais e da comprovação da origem dos recursos. Doze partidos políticos brasileiros receberam doações eleitorais provenientes de contas descobertas no banco.

Eunício afirmou que a CPI não fará distinção entre os investigados, e que as implicações sobre os partidos não serão obstáculo para o trabalho da comissão. “Não importa de qual partido, quem recebeu e de que maneira recebeu, se existe algo ilegal é papel do Congresso investigar. A CPI é o instrumento para isso, inclusive com poder de polícia”, afirmou.

O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) é o autor do requerimento de criação da CPI. A comissão terá 11 membros. A reunião de instalação, que terá a eleição do presidente e do vice e a designação oficial do relator, ocorrerá na sala 2 da Ala Nilo Coelho do Senado.

Da Agência Senado

Deixe um comentário